Liberação de novo acesso da freeway atende demanda de décadas em Cachoeirinha - Notícias

Versão mobile

 
 

Região Metropolitana17/02/2021 | 05h00Atualizada em 17/02/2021 | 05h00

Liberação de novo acesso da freeway atende demanda de décadas em Cachoeirinha

Passagem no km 83 só permitia saída para a Capital ou chegada para quem vinha do Litoral Norte. Agora, é possível acessar ou deixar a cidade em ambos sentidos da rodovia

Liberação de novo acesso da freeway atende demanda de décadas em Cachoeirinha Mateus Bruxel / Agencia RBS/Agencia RBS
Passagem sobre a freeway permite chegada e saída de veículos pelo sentido Porto Alegre/Litoral Norte Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS / Agencia RBS

Demorou tanto que até parece uma nova atração turística da cidade. Assim está o acesso à freeway liberado para tráfego em Cachoeirinha, na Região Metropolitana. O local, no quilômetro 83 da rodovia, recebia vários moradores curiosos durante a manhã de ontem, enquanto o Diário Gaúcho passou pelo local. Pudera, o obra é esperada desde o início da concessão de rodovia, em 1997.

Leia mais
Demanda de décadas da comunidade, Cachoeirinha terá novo acesso à freeway
Das 20 obras públicas mostradas pelo DG em 2019, só uma foi concluída
Auditoria aponta indícios de irregularidades em hospital de campanha de Cachoeirinha

O espaço liberado pela CCR ViaSul, atual administradora da freeway, permite que veículos que circulam no sentido Capital/Litoral da rodovia possam acessar o município. Para quem sai de Cachoeirinha, também é possível seguir em direção ao Litoral Norte. Antes, a saída no local só era possível em sentido a Porto Alegre. A abertura do novo acesso também promete desafogar o trânsito da Avenida General Flores da Cunha, principal acesso a Cachoeirinha. 

Até então, quem vinha pela freeway só tinha essa via para acesso à cidade. Agora, moradores de bairros importantes e mais afastados da região central, como Parque da Matriz, Jardim do Bosque, Bom Princípio, entre outros, poderão utilizar a nova alça para entrar na cidade, dividindo o fluxo. Até alguns bairros de Gravataí, cidade vizinha de Cachoeirinha, serão beneficiados.

A obra começou no dia 18 de julho do ano passado. A previsão de entrega era para fevereiro deste ano e foi cumprida. Na segunda-feira, além do acesso em Cachoeirinha, a CCR ainda liberou mais dois espaços, no quilômetro 4, em Osório, e no quilômetro 62, em Glorinha. Ainda foram concluídas, na BR-101, a implantação de passarelas nos quilômetros 4 e 6 da pista, na altura de Torres, e no quilômetro 45, em Terra de Areia.

Aprovada pelos usuários

CACHOEIRINHA, RS, BRASIL, 16-02-2021: Novo acesso à Freeway, na altura do km 83, liga a rodovia à Avenida Papa João XXIII. A obra permite o ingresso e a saída da cidade de Cachoeirinha no sentido litoral. Na foto: Elisiomar Machado, 68, tenente da BM aposentado. (Foto: Mateus Bruxel / Agência RBS)Indexador: Mateus Bruxel<!-- NICAID(14715555) -->
Elisiomar diz que obra é conquista espera há muito pela comunidadeFoto: Mateus Bruxel / Agencia RBS

Entre os moradores que circulavam pelo local ontem, Elisiomar Machado, 68 anos, era só sorrisos. O policial militar da reserva conta que é morador do bairro Parque da Matriz e que sonha com a obra desde o final dos 1980, quando se mudou para a cidade. Para Elisiomar, a facilidade de acesso ao Litoral Norte é um dos principais atrativos, além do desafogo na entrada utilizada atualmente para chegar ao município pela freeway.

— Essa obra é uma bênção, quem diria que conseguiríamos ver esses acessos da freeway sendo utilizados — comemora ele. 

Elisiomar veio de bicicleta até o local para conferir a novidade. Aproveitou para fazer fotos e registrar a abertura tão esperada pela comunidade. O motorista de aplicativo Paulo Roberto de Souza, 66 anos, diz que o acesso facilitará muito mais os trajetos entre vários pontos, como Cachoeirinha e Gravataí, por exemplo.

— Antes, a gente precisava ir até lá no trevo da freeway com a Avenida Assis Brasil. É uma obra muito bem-vinda — pontua Paulo.

Acesso de pedestres deve ser concluído em breve

Mesmo que liberado para o tráfego, o espaço ainda não está 100% concluído. Os acessos para pedestres circularem pela travessia não estão terminados. Atualmente, só o viaduto sobre a freeway e parte do sentido Porto Alegre/Litoral Norte possuem pista para pedestres. Do outro lado, o trabalho ainda não foi concluído, assim, quem faz a travessia precisa se arriscar caminhando pelo asfalto.

Uma outra mudança gerada pela obra foi conversão de parte Rua Dona Otília em pista de mão única. Mesmo com a sinalização no local, alguns motoristas desinformados ainda acessavam o local na contramão na manhã de ontem. Guardas de trânsito municipais circulavam pela área de carro, de olho em possíveis descuidos dos motoristas que ainda estão conhecendo o novo acesso.

Questionada pela reportagem, a CCR ViaSul informou que a conclusão das obras dos passeios para pedestres está prevista para os próximos dias.

Leia mais notícias do Diário Gaúcho


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros