No Dia do Jornalista, Tiago Boff ensina a fazer o bacalhau falso - Notícias

Versão mobile

 
 

Receita do Repórter07/04/2021 | 11h21Atualizada em 07/04/2021 | 11h27

No Dia do Jornalista, Tiago Boff ensina a fazer o bacalhau falso

Repórter da Rádio Gaúcha conta como encontrou um peixe mais em conta, mas que é parecido com o bacalhau

No Dia do Jornalista, Tiago Boff ensina a fazer o bacalhau falso Tiago Boff / Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Único fake positivo, diz o jornalista Foto: Tiago Boff / Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Para marcar o Dia do Jornalista, hoje, o Diário Gaúcho convidou o repórter Tiago Boff, 35 anos, para mostrar seus dotes culinários. Ele optou por um prato diferente: 

– Foi minha receita na Sexta-feira Santa, mas pode ser a sua em qualquer dia. No Dia do Jornalista, ironicamente, defenderei uma "fake news", termo em inglês para designar notícias falsas, e mostro como fazer o bacalhau fake, mais barato que o peixe original, porém muito saboroso.

Em uma viagem a Portugal, ele se apaixonou pela culinária do país. 

– O bacalhau é muito tradicional lá. Comi vários pratos, inclusive o bacalhau à Brás, que é praticamente essa mesma receita. Só que, aqui no Brasil, o peixe original é muito mais caro – destaca.

A descoberta do peixe substituto foi feita quando Tiago estava atrás de promoção no mercado do bairro onde mora, em Porto Alegre:

– Olhei o Polaca-do-Alasca e, como jornalista curioso, eu não conhecia. Tinha o símbolo de Portugal na embalagem e o pacote custava uns R$ 20 e poucos, pronto para desfiar. Pesquisei e vi que era um peixe que imitava o bacalhau, com sabor parecido, só que menos salgado. No verso do pacote, tinha essa receita do à Brás. Foi aí que descobri que um fake poderia ser algo positivo. Mas só nesse sentido: nas notícias, não.

Tiago não consegue fazer um prato sem dizer os valores que gastou, como bom descendente de italianos:

– O pacote do peixe custa R$ 30, mais os outros itens, que são cebola, alho, batata-palha e azeitona preta, dá em torno de R$ 40. Bom em questão de custos e de sabor. Eu adoro! 

LEIA MAIS  
Torta de aipim da Mariani: aprenda um prato que é boa opção para dias mais frios
Dia do Cacau: aprenda a fazer brownie com paçoca da chef Cátia
Doce de Portugal: aprenda a fazer a Aletria da Cristine 

Tiago ensina um dos seus pratos favoritos na coluna do DG.<!-- NICAID(14750698) -->
Foto: Tiago Boff / Arquivo Pessoal

INGREDIENTES
500g de peixe Polaca-do-Alasca
1 fio de azeite de oliva ou óleo comum
1 cebola picada
4 dentes de alho picados
4 ovos
Pimenta do reino a gosto
Batata palha a gosto
Azeitona preta a gosto

 MODO DE PREPARO 

/// Em uma panela, refogue a cebola e o alho no azeite de oliva. Corte o peixe com as mãos, em lascas grossas. 

/// Coloque a pimenta do reino. Após refogar rapidamente, acrescente os ovos batidos e mexa até um ponto que fique cremoso, anterior à textura de omelete.

/// Adicione, por fim, as azeitonas e a batata-palha. Se quiser a batata-palha mais crocante, pode colocar diretamente no prato, na hora de comer, pois, na panela, ela murcha. Bom apetite! 

RENDIMENTO: 6 porções
TEMPO DE PREPARO: 30 minutos
CUSTO: cerca de R$ 40

PARTICIPE, NOS ENVIE SUA RECEITA!
/// Quem pode participar? Todos os leitores que tiverem uma receita deliciosa para compartilhar com o DG.                       
/// O que é preciso enviar? Mande sua receita, descrita com quantidade e tipos de ingredientes e modo de preparo, além do seu nome completo, endereço e telefone, para que possamos ligar de volta para você.                        
/// Para onde e como eu envio? Você pode usar três canais de atendimento para enviar sua receita. São eles: o WhatsApp do DG, pelo telefone (51) 99759-5693, o e-mail atendimento@diariogaucho.com.br e o nosso endereço (para envio de carta): Avenida Erico Veríssimo, 400, bairro Azenha, Porto Alegre/RS. O CEP é 90160-180. 

Produção: Caroline Tidra

Confira outras receitas da seção Receita do Leitor


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros