Projeto de Gravataí busca verba para torneio realizado em Brasília - Notícias

Versão mobile

 
 

Seu Problema é Nosso09/07/2021 | 09h00Atualizada em 09/07/2021 | 09h00

Projeto de Gravataí busca verba para torneio realizado em Brasília

Em junho deste ano, a equipe de Caratê foi convocada para o Torneio Nacional de Caratê, marcado para ocorrer nos dias 27 e 29 de agosto em Brasília. Porém, a equipe não tem como custear a viagem

Projeto de Gravataí busca verba para torneio realizado em Brasília Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
O projeto, hoje, atende gratuitamente, em média, 20 crianças. Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Criado há mais de dois anos, o projeto OSS, de Gravataí, é uma proposta que busca mudar a vida de crianças e adolescentes em vulnerabilidade social, em sua maioria, por meio do caratê. É na modalidade que o coordenador da entidade, Cristiano Vanni, 33 anos, viabiliza o acesso esportivo às comunidades vindas de Porto Alegre e Região Metropolitana. O projeto, hoje, atende gratuitamente, em média, 20 crianças e adolescentes a partir dos oito anos, no bairro Cohab, em Gravataí

Leia Mais
Após um mês, buraco na calçada é fechado em Porto Alegre
Instituições se unem para combater a fome de famílias, no bairro Bom Jesus
A cada três meses, paciente fica sem tratamento para Parkinson 

– Em 2014, me tornei campeão mundial (de caratê). Comecei a entender que talvez faltasse promover o esporte para a comunidade de alguma forma. Junto com minha namorada, que também é uma das fundadoras e coordenadoras do projeto, entendemos que seria proveitoso criar um projeto social onde a gente pudesse levar tanto a parte social de  inclusão, como a parte pedagógica e a parte esportiva. E assim, nasceu o OSS – relembra o atleta. 

Cristiano coordena a entidade ao lado de sua companheira, Luízy Güntzel, 25 anos. Além disso, ele é responsável pelo treinamento da equipe. O time, hoje, atua em duas modalidades: o Kata – aplicação dos movimentos e técnicas de luta –, e o Kumite – lutas tradicionais com adversários.

Convocação

Em junho deste ano, Cristiano recebeu a informação de que a equipe foi convocada para o Torneio Nacional de Caratê, marcado para ocorrer nos dias 27 e 29 de agosto em Brasília, no Distrito Federal. Porém, passada a euforia da notícia, Cristiano deparou-se com um problema: a equipe não tem como arcar com os custos do campeonato e da viagem. 

Foi então que surgiu a ideia de criar uma vaquinha online para arrecadar cerca de R$ 10 mil. Segundo Cristiano, o valor é para custear as despesas dos 12 atletas convocados. Não é a primeira vez que o projeto realiza vaquinha para custear viagens. Em 2019, o Diário Gaúcho mostrou a campanha que Cristiano realizou para participar da Confederação Brasileira de Karate Shorin-Ryu e Interestilos, em Minas Gerais.

– Hoje, temos vagas para todos os atletas participarem, porém, tudo depende da questão financeira. Como a maioria das crianças não tem condições de arcar com os custos da viagem, no momento, não podemos precisar um número de atletas que vão (a Brasília) para não criar uma falsa expectativa – declara. 

Orgulho

Orgulhoso, Cristiano mostra o objetivo do projeto e a felicidade ao ver seus alunos competindo e realizando seus sonhos: 

– O projeto tem a missão de trazer um pouco mais de otimismo e mostrar para as pessoas que um pequeno gesto consegue fazer grandes movimentos.

O treinador acrescenta:

– A nossa ida à Brasília não é, somente, ida de crianças, mas é a forma de demonstrar à comunidade que todo esforço vale a pena, e que no final tudo vai dar certo. Isso é para trazer um otimismo, um carinho para nossa cidade. É devolver para as pessoas o que elas buscavam antes da pandemia, esperança, e que tudo tem uma saída. 

Como ajudar nos custos da viagem?

/// Para contribuir, acesse o link vaka.me/2187499

/// Você também pode entrar em contato com o Cristiano pelo WhatsApp, por meio do número (51) 98171-2909

Produção: Vitória Fagundes


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros