Horário de verão só terá início depois do segundo turno e não irá afetar urnas eletrônicas - Notícias

Versão mobile

 

Projeto Comprova24/10/2018 | 15h22

Horário de verão só terá início depois do segundo turno e não irá afetar urnas eletrônicas

Mensagem falsa que circula no Whatsapp afirma que os votos feitos depois das 16h não seriam computados

Horário de verão só terá início depois do segundo turno e não irá afetar urnas eletrônicas Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Urnas eletrônicas estão programadas para funcionar no horário de Brasília Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS
Projeto Comprova
Projeto Comprova

É falsa a mensagem que circula no Whatsapp e nas redes sociais que diz que as urnas eletrônicas estariam programadas para adotar o horário de verão no segundo turno das eleições e, por isso, não computariam os votos feitos depois das 16h.

Leia mais
Saiba como identificar notícias falsas nas redes sociais
Aprenda a identificar informações falsas no Facebook
Conheça o app substitui o título de eleitor

Segundo o governo federal, a mudança do horário de verão só valerá a partir de 4 de novembro, ou seja, após o segundo turno das eleições, marcado para o dia 28.

O Comprova consultou, além do site do governo, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O acordo para que a alteração fosse feita depois do pleito foi firmado com o Palácio do Planalto em dezembro de 2017. Em 4 de novembro, os relógios serão adiantados em uma hora no Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

De acordo com a Justiça Eleitoral, "as urnas não estão programadas para entrar no horário de verão antecipadamente, mas sim, para funcionar no horário oficial". No próximo domingo (28), a votação ocorrerá normalmente entre as 8h e as 17h, pelo horário de Brasília. 

No Facebook, o boato circulou em vários perfis, mas teve pouca viralização. O próprio TSE desmentiu a informação que circula nas redes sociais. O mesmo fez o Fato ou Fake, do G1.

Falso

Segundo o TSE, as urnas não estão programadas para adotar o horário de verão antecipadamente, mas, sim, para funcionar no horário de Brasília.

Projeto Comprova

Este texto foi originalmente publicado no site do Projeto Comprova. Foi verificado pelo veículo parceiro Band News FM.

O Comprova é um projeto que reúne jornalistas de 24 diferentes veículos de comunicação brasileiros, incluindo GaúchaZH, para descobrir e investigar informações enganosas, inventadas e deliberadamente falsas durante a campanha presidencial de 2018.


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros