Número de equipes trabalhando nas praças da Capital será ampliado durante o verão - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Reforço18/11/2018 | 09h36

Número de equipes trabalhando nas praças da Capital será ampliado durante o verão

Entre dezembro deste ano e março de 2019, o número de equipes para atendimento das praças será maior. De 10 equipes atuais, o quadro passará a contar com 18

Número de equipes trabalhando nas praças da Capital será ampliado durante o verão Omar Freitas / Agência RBS/Agência RBS
Praça México, na Zona Norte, está com a capina por fazer, como mostrou a vistoria do DG Foto: Omar Freitas / Agência RBS / Agência RBS

Com a chegada do calor, a procura por locais de lazer tende a aumentar, com um fluxo maior de pessoas circulando pelas 637 praças e pelos nove parques de Porto Alegre. Entretanto, alguns destes pontos ainda não estão 100% em condições de receber a população. O Diário Gaúcho vistoriou as condições de oito praças e parques da Capital. Todos os espaços de lazer visitados deixam a desejar em algum dos pontos analisados. Para reverter este cenário, a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (SMSUrb) informou que deve ampliar o número de equipes trabalhando nas praças da Capital durante o verão.

Leia mais
Saiba como estão as condições dos parques e praças de Porto Alegre para o verão
Como estão os terminais de ônibus de Porto Alegre
Blitz do DG volta em ruas esburacadas de Porto Alegre 

Em nota, a SMSUrb, por meio do Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU), garantiu que, ao longo deste mês os trabalhos estão sendo ajustados. Com isso, entre dezembro e março de 2019, o número de equipes para atendimento das praças será maior. De 10 equipes atuais, o quadro passará a contar com 18. Assim, a previsão é de que os locais recebam serviços em intervalos menores. Conforme a nota, com número menor de equipes, a capacidade de atuação era de 200 locais por mês, com rotatividade prevista de três em três meses. Portanto, durante o verão, esse tempo deve diminuir. 

— Devido ao calor alternado com as chuvas, temos um crescimento maior da vegetação. Portanto, com o adicional de equipes, pretendemos aumentar a frequência dos serviços e, consequentemente, o conforto das pessoas que frequentam as praças durante o verão, para que as famílias possam usufruir esses locais de forma mais tranquila e segura — afirma o secretário de Serviços Urbanos, Ramiro Rosário.

O DMLU também está preparando a orla dos bairros Belém Novo e Lami para a temporada de verão. E o serviço de capina, limpeza, roçada de praças e áreas verdes junto as praias foi realizado no início deste mês. A manutenção dos sanitários públicos da orla foi finalizada no dia 1º de novembro .

Praça Che Guevara, na Restinga, está com brinquedos estragados e gram altaFoto: Omar Freitas / Agência RBS

Adoção

Mesmo tomando ações próprias para dar conta dos cuidados com estes espaços públicos, a administração da Capital pretende terceirizar este serviço, facilitando a adoção destes locais. A prefeitura já encaminhou ao legislativo dois projetos que mudam as regras para a manutenção e o uso destes espaços públicos. Além de empresas, pessoas físicas também poderão solicitar a tutela de praças, parques, canteiros, ciclovias, fachadas de prédios públicos e até de monumentos. Em troca, a iniciativa privada poderia explorar comercialmente os locais, realizando eventos ou espalhando publicidade, entre outras ações. 

O prefeito Nelson Marchezan acredita que as propostas não deverão enfrentar dificuldades para serem aprovadas. Entretanto, não há previsão para que as votações ocorram. 

Leia outras notícias do Diário Gaúcho


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros