Saiba como estão as condições das praias mais populares do Litoral Norte - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Bltz DG15/12/2018 | 07h00Atualizada em 15/12/2018 | 10h23

Saiba como estão as condições das praias mais populares do Litoral Norte

A reportagem do Diário Gaúcho visitou Quintão, Magistério, Pinhal, Cidreira, Tramandaí, Imbé e Mariluz para mostrar como cada um dos locais está se preparando para receber os veranistas

Saiba como estão as condições das praias mais populares do Litoral Norte Robinson Estrásulas / Agência RBS/Agência RBS
Imbé é uma das praias que serve de destino para os veranistas que vão ao Litoral Norte Foto: Robinson Estrásulas / Agência RBS / Agência RBS

O combo festas de final de ano, dias mais quentes e chegada do período de férias, principalmente, as escolares, leva milhares de gaúchos para o litoral do Rio Grande do Sul anualmente. Amado por uns, odiado por outros, o terreno litorâneo do Estado é conhecido por suas praias com longas extensões de terra e pouca presença de elementos naturais, além de dunas. 

Leia mais
Quintão, Magistério e Pinhal iniciam trabalhos para receber veranistas
Cidreira, Imbé e Tramandaí já estão preparadas para o verão
Saiba como estão as condições dos parques e praças de Porto Alegre para o verão

O Diário Gaúcho pegou a estrada e seguiu viagem pelas praias mais populares do RS. A intenção: mostrar como os pequenos municípios e balneários estão se preparando para receber os turistas. A jornada começou pela Praia de Quintão, distante cerca de 120 quilômetros da Capital. Perto dali, a reportagem também passou por Magistério, Balneário Pinhal e Cidreira. Depois, mais ao norte, conferimos a situação que espera os veranistas em Tramandaí, Imbé e Balneário Mariluz. 

Em Cidreira, movimento era tranquilo no início da semanaFoto: Robinson Estrásulas / Agência RBS

Nas três primeiras, a sensação é mais delicada, principalmente em Quintão. Em Magistério e Pinhal, ambas, praias de Balneário Pinhal, ao menos se nota a continuidade dos serviços de manutenção, como capina e limpeza das vias, além do visível preparo para receber os turistas.

Mais ao norte, as praias estão com trabalhos mais avançados para o verão. Desde Cidreira, passando por Tramandaí, Imbé e Mariluz, as condições estão melhores em relação as praias visitadas mais ao sul.

A blitz avaliou pontos como limpeza e infraestrutura na região da beira-mar e da orla de cada local. Além disso, ainda observamos a qualidade das ruas mais movimentadas, que costumam receber um tráfego mais intenso nos dias de verão. 

Confira a situação em cada praia:

Caliças e lixo estão no calçadão e nas dunasFoto: Robinson Estrásulas / Agência RBS

Quintão

— Praia: o acesso principal à praia está complicado, com mato crescendo e uma sensação de falta de serviços na públicos na região.
— Orla: o calçadão está com algumas pedras soltas, partes tomadas por areia e alguns bancos quebrados. Ainda há pontos com descarte de lixo e caliças de obras.
— Infraestrutura: a parte da beira-mar está com as guaritas de salva-vidas em estado razoável. Existem alguns quiosques fixos na areia, mas bem distantes um do outro. Alguns dos chuveirinhos da praia não estavam funcionando no dia da visita.
— Ruas: as vias mais próximas da praia não estão em bom estado. O paralelepípedo apresenta irregularidades, como buracos. A reportagem ainda presenciou um vazamento de água no dia da visita.

Orla de Magistério tem pontos com concentração de lixoFoto: Robinson Estrásulas / Agência RBS

Magistério

— Praia: a areia está limpa, com apenas alguns pontos com descarte de lixo. Porém, assim como em Quintão, não foi notada presença de lixeiras na beira-mar.
— Orla: o calçadão é bem pequeno, mas está cuidado, sem mato alto ou presença de muito lixo. Existe um canal de água que corta a praia e vai até o mar. Neste ponto, há alguns materiais como garrafas de plástico e de vidro.
— Infraestrutura: a praia não tem muitas opções à beira-mar. Não há quiosques instalados na areia, somente as guaritas de salva-vidas estão no local, aparentemente, aptas para a temporada. Existem chuveirinhos na praia, mas não estão em bom estado.
— Ruas: a via de acesso à praia está em bom estado, mas ela é de mão dupla. O lado que leva ao mar é asfaltado, o outro lado é de paralelepípedos. Existem alguns buracos na pista, principalmente, na pista de paralelepípedo. Ainda há um canteiro com banheiros e pracinha.

Novos quiosques estão sendo construídos na Praia de PinhalFoto: Robinson Estrásulas / Agência RBS

Pinhal

— Praia: a beira-mar é limpa, sem pontos de concentração de lixo ou sinais de abandono. A falta de lixeiras é um ponto em comum com os outros locais visitados.
— Orla: a área é bem cuidada e conta com uma praça. Os canteiros não estão com grama alta e não há descarte irregular de lixo no local.
— Infraestrutura: as guaritas de salva-vidas estão em bom estado. Estão sendo construídos novos quiosques na beira-mar. Os chuveirinhos da praia estão funcionando.
— Ruas: o acesso é tranquilo, as ruas estão em bom estado de conservação. Quase não há buracos.

Beira-Mar de Cidreira passou por revitalizaçãoFoto: Robinson Estrásulas / Agência RBS

Cidreira

— Praia: a faixa de areia está bem cuidada. O local é limpo e de fácil acesso.
— Orla: o calçadão aparenta ter sido reformado para a temporada. Foram instalados bancos, lixeiras e estruturas de madeira com intuito de melhorar a contemplação da praia.
— Infraestrutura: existem bares na beira-mar, assim como alguns quiosques na praia. As guaritas de salva-vidas aparentam estar em condições, mas algumas ainda precisam de reparos. Há chuveirinhos instalados na praia, estão funcionando. O banheiro público do local estava fechado.
— Ruas: as vias da beira-mar estão em bom estado, com asfalto e sem buracos. 

Retirada de quiosques e obras na orla serão incômodos durante o verão, em TramandaíFoto: Robinson Estrásulas / Agência RBS

Tramandaí

— Praia: na região mais movimentada, próximo da plataforma, existem lixeiras pela areia. Há pouquíssimo lixo fora destes pontos de descarte.
— Orla: o calçadão está em bom estado. Porém, uma área está em fase de obras, com a retirada de construções mais antigas. Pela aparência das obras, não devem ser concluídas nesta temporada.
— Infraestrutura: além da estrutura da plataforma, que é aberta para visitação é para pesca mediante pagamentos, a praia conta com praças e banheiros públicos.
— Ruas: as vias de acesso ao mar estão em bom estado, com pouquíssimos buracos. 

Calçadão e Avenida Beira-Mar de Imbé foram revitalizados, com a inclusão de uma cicloviaFoto: Robinson Estrásulas / Agência RBS

Imbé

— Praia: é a única das praias visitadas onde são instaladas cadeiras e mesas na faixa de areia. O local é limpo e havia funcionários da prefeitura no local no dia da visita.
— Orla: o calçadão foi reformado e, entre as áreas visitadas, é a que aparenta mais opções de quiosques e padronização da orla, trazendo um ar mais moderno para a beira-mar.
— Infraestrutura: as guaritas de salva-vidas estão em bom estado, há chuveirinhos na orla. Porém, há banheiros químicos na beira-mar, e também os banheiros dos quiosques, que podem ou não cobrar pelo uso.
— Ruas: estão em bom estado de conservação, limpas e quase não há buracos. 

Em Mariluz, comerciantes reclamam da falta de lixeiras na praiaFoto: Robinson Estrásulas / Agência RBS

Mariluz

— Praia: quase não há lixo na faixa de areia, mas alguns comerciantes relataram que a falta de lixeiras incomoda. Por conta própria, eles pretendem colocar tonéis próximos aos quiosques durante o verão.
— Orla: a área é limpa, com alguns bares e quiosques. A reclamação é somente quanto ao vandalismo em pontos da orla.
— Infraestrutura: as guaritas de salva-vidas estão fechadas, com isolamento feito por tapumes de compensado. Além dos bares e quiosques, ainda há um pequeno calçadão. Assim como nos outros locais visitados, não há muitas lixeiras na região.
— Ruas: o acesso nas vias mais próximas da praia é tranquilo. As pistas estão em bom estado de conservação, sem necessidade de alguma manutenção mais urgente.

O que dizem as prefeituras

Quintão 

O secretário de planejamento de Palmares do Sul, Manoel Jober Dias de Souza, garantiu que, a partir desta segunda-feira (17), serão iniciados os trabalhos de verão na praia do Quintão. Segundo ele, 12 funcionários terceirizados farão a limpeza e capina da beira-mar e das avenidas principais, como a Esparta e a dos Bancários. O serviço se estenderá até o final da temporada, no dia 15 de março. Além dos terceirizados, outros oito servidores da Secretaria de Obras, Viação e Trânsito farão os reparos no calçadão, em bancos quebrados e em algumas vias. Ainda conforme o secretário, duas guaritas de salva-vidas que estão quebradas serão substituídas por novas. 

Pinhal e Magistério 

A administração de Balneário Pinhal, responsável pelas praias de Pinhal e Magistério, explicou que, desde novembro, está trabalhando com o projeto Praia Limpa, que conta com cerca de 40 funcionários extras para auxiliar na limpeza das praias durante o verão. Segundo o secretário de administração Erón de Oliveira, os serviços se intensificarão nos próximos dias: 

— Ainda vamos avançar até Magistério, onde também serão feitos reparos na orla. Quanto a retirada dos quiosques, Erón explica que é um processo normal. Conforme o secretário, os comércios são desmontados durante a baixa temporada. Acreditamos que até o dia 21 ou 22 de dezembro, os quiosques já estejam novamente em atividade — projeta.

Cidreira 

Sobre as guaritas de salva-vidas que estão precisando de reparos, o secretário de administração, João Pedro Roso, garante que os trabalhos serão iniciados no próximo dia 15. Segundo ele, até o Natal os locais estarão prontos para receber os salva-vidas. Quanto aos banheiro público da orla, o secretário explicou que ele não abrirá e que já estão sendo instalados banheiros químicos para atender os veranistas. A programação de verão em Cidreira começa no dia 15, com eventos voltados aos festejos de Natal.

Tramandaí 

O prefeito de Tramandaí, Luiz Carlos Gauto, explicou que as obras que estão ocorrendo em parte da Avenida Beira-Mar são em função de uma decisão judicial que ordenou a retiradas dos quiosques ali existentes. Nada será construído no local, que deve servir como espaço para expansão das dunas.

— Particularmente, acho que perdemos em embelezamento. Mas é decisão da Justiça que ali seja um espaço de dunas, então vamos respeitar — explica o prefeito.

Segundo Luiz, a retirada das caliças dos antigos quiosques deve ser concluída ainda nesta temporada. Para o próximo verão, o plano é revitalizar todos os quiosques, que devem ser realocados para mais perto do calçadão.

Imbé e Mariluz 

Segundo a administração da cidade, a principal atração de Imbé será o calçadão da Avenida Beira-Mar, que foi revitalizado. O local terá segurança reforçada por equipes da Guarda Municipal durante o verão. Quanto a reclamação de vandalismo em Mariluz, a prefeitura diz que está desenvolvendo o programa "Imbé Mais Seguro". A ação inclui a contratação de 40 guardas municipais. Os novos agentes atuarão a partir de 2019. 

Além disso, uma parceria entre Brigada Militar e Guarda Municipal está colocando, desde sexta-feira (14), efetivo permanente em pontos movimentados no balneário Mariluz, entre outros locais do município. Sobre as guaritas de salva-vidas, a Secretaria de Obras e Viação explicou que "está realizando as manutenção das estruturas que sofreram avarias nos últimos meses e também a construção de novas estruturas". O serviço deve ser concluído até a próxima semana.

Leia outras notícias do Diário Gaúcho


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros