Parada desde 2015, construção de creche é retomada em Gravataí - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Retratos do desperdício07/01/2020 | 05h00

Parada desde 2015, construção de creche é retomada em Gravataí

 Retomada ocorreu no final de novembro e, conforme a prefeitura, obra deve ser concluída em dezembro

Parada desde 2015, construção de creche é retomada em Gravataí Lauro Alves/Agencia RBS)
Obras foram retomadas no final de novembro Foto: Lauro Alves / Agencia RBS)

Algumas abelhinhas de Gravataí terão uma colmeia mais ampla para ficar. Isso porque a Escola Municipal de Educação Infantil (Emei) Favo de Mel vai trocar de lugar. Atualmente, a instituição está em um espaço alugado no bairro Centro e tem capacidade para 64 alunos. Depois da mudança, prevista para vigorar no ano letivo de 2021, serão 188 crianças de zero à cinco anos e 11 meses atendidas num prédio construído no bairro Natal, perto da atual sede.

Leia mais
Campanha criada por policiais busca doações para a compra de prótese para sargento
Passageiros e trabalhadores reivindicam melhorias na rodoviária de São Leopoldo
Famílias curtem primeiro final de semana com piscinas públicas abertas em Porto Alegre

O local que abrigará a nova Favo de Mel estava com as obras paradas desde 2015. A estrutura foi umas das 20 mostradas na reportagem Retratos do Desperdício, publicada pelo Diário Gaúcho em maio. Desde então, o DG acompanha o desenrolar de cada um dos 20 locais, principalmente, em se tratando de retomada nos trabalhos.

Avanço

E foi o que ocorreu no caso da Favo de Mel. Na sexta-feira, a reportagem foi ao canteiro de obras conferir como está o avanço da empreitada. Conforme a administração de Gravataí, a ordem de início das obras da Emei foi assinada no final de novembro e o contrato vale até janeiro de 2021. Porém, o objetivo é terminar o prédio em dezembro deste ano. 

Quando os trabalhos pararam, a construção estava 9,65% pronta. Desde que foi retomada, há dois meses, a creche avançou seu percentual de conclusão em mais 5,39%. Atualmente, o estágio da construção atinge 15,04%. Já foram levantadas algumas paredes das áreas onde ficarão as salas de aula e o trabalho de implantação das vigas também está sendo feito em outras partes do terreno. Segundo a prefeitura, a equipe que trabalha no local costuma ter entre 10 e 15 funcionários. No dia da visita, em razão de folgas de final de ano, apenas cinco trabalhadores estavam no canteiro.

Custo

 GRAVATAÍ, RS, BRASIL - 03.01.2020 - Reportagem sobre as obras da série Retratos do Desperdício, do Diário Gaúcho. Na foto: Sônia Oliveira, secretária de Educação de Gravataí. (Foto: Lauro Alves/Agencia RBS)
Trabalhos devem ser concluídos até o final do anoFoto: Lauro Alves / Agencia RBS)

Secretária de Educação em Gravataí, Sônia Oliveira explica que foi feita uma nova licitação para a retomada dos trabalhos. Neste novo edital, o valor da obra aumentou. Anteriormente, o custo ficava na casa dos R$ 1,8 milhão, dinheiro advindo do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Agora, serão R$ 2,3 milhões — acréscimo de 27,7%. Essa diferença nos valores será custeada pelo próprio município.

— Será uma contrapartida da prefeitura. O município já está adiantando o dinheiro da obra, pois ainda estamos aguardando os repasses do FNDE — diz a secretária.

A titular da pasta da educação garante que a obra não irá parar  mais até sua conclusão. Ao menos. não por falta de recursos:

— Hoje, a prefeitura garante o pagamento com dinheiro próprio. Isso permite que a obra não pare até que o FNDE faça o repasse e, assim, os cofres do município sejam ressarcidos.

Ficha da obra

Escola Municipal de Educação Infantil (Emei) Favo de Mel

/// Endereço: Rua Ouro Preto, bairro Natal, Gravataí

/// Estágio da obra: 15,04%

/// Quando parou: 2015

/// Capacidade: 188 alunos

/// Valor já investido: R$ 162.222,64

/// Origem dos recursos: R$ 1.802.473,77 do FNDE e R$ 590.913,82 de contrapartida da prefeitura

/// Por que a obra parou? Atrasos no repasse do recurso fez a empresa desistir da obra em 2015

/// Previsão de conclusão dos trabalhos: dezembro de 2020

Leia mais notícias do Diário Gaúcho


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros