Consulta sobre bloqueio do cartão TRI será liberada na quinta-feira, projeta ATP - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Restrições em Porto Alegre07/07/2020 | 20h52Atualizada em 07/07/2020 | 20h52

Consulta sobre bloqueio do cartão TRI será liberada na quinta-feira, projeta ATP

Cerca de 130 mil trabalhadores de atividades não essenciais terão o uso de vale-transporte suspenso

Consulta sobre bloqueio do cartão TRI será liberada na quinta-feira, projeta ATP Samuel Maciel/PMPA
Bloqueios também começarão na quinta-feira (9) Foto: Samuel Maciel / PMPA

O usuário que utiliza o TRI como vale-transporte em Porto Alegre poderá conferir se teve o cartão bloqueado a partir de quinta-feira (9), mesmo dia em que as suspensões entram em vigor. Essa é a projeção da Associação dos Transportadores de Passageiros (ATP), que já recebeu a lista de empresas que irão permanecer de portas fechadas na Capital. Quem tiver o cadastro no sistema de transporte vinculado a alguma delas não poderá usar o benefício.

No último final de semana, a prefeitura atualizou o decreto que restringe a circulação de pessoas na cidade. Entre as novas medidas, está o bloqueio do uso do vale-transporte por empregados que trabalham em atividades não essenciais, que estão proibidas de funcionar por decreto municipal. O número de pessoas nessa situação pode chegar a 130 mil.

A consulta estará disponível no site TRI Poa, o mesmo utilizado para acesso a informações como saldo e recargas. A ATP trabalha na criação de uma área onde serão expostos os CNPJs das empresas com atuação suspensa em Porto Alegre e a confirmação se o usuário teve o cartão bloqueado. Inicialmente, não será possível acessar as informações por meio do aplicativo TRI.

Leia mais
Suspensão do Cartão TRI em Porto Alegre: confira perguntas e respostas
Medidas mais restritivas em Porto Alegre: entenda o que começa a valer
Porto-alegrenses respeitam bloqueio e orla do Guaíba fica vazia

Caso o trabalhador tenha o benefício suspenso de forma equivocada – por exemplo, um usuário que atue em atividade essencial, mas que está com o cadastro desatualizado, vinculado a uma empresa que está com as portas fechadas – será possível pedir a revisão para a ETPC, no número 118, ou para a ATP, que deverá divulgar telefone e e-mail para o contato ainda nesta semana.

Trensurb e Grande Porto Alegre

A prefeitura da Capital já encaminhou pedidos para que a Trensurb e a Metroplan, responsável pelo transporte metropolitano, também bloqueiem os cartões de vale-transporte TRI, SIM e TEU de quem mora nas cidades vizinhas e se desloca por trem ou ônibus para trabalhar em atividades não essenciais em Porto Alegre.

A Trensurb acatou o pedido e também vai bloquear, utilizando as mesmas regras da Capital, os cartões TRI e SIM vale-transporte. A ação ocorrerá na próxima quinta-feira (9). A Metroplan colocou o tema em pauta no comitê de crise do órgão e não tem prazo para se posicionar.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros