Joãozinho ganha cadeira de rodas nova, após reportagem do Diário - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Seu Problema é Nosso31/12/2018 | 09h00Atualizada em 31/12/2018 | 09h00

Joãozinho ganha cadeira de rodas nova, após reportagem do Diário

João Carlos Plaz, nove anos, portador de microcefalia, precisava de uma cadeira de rodas maior, que comportasse seu tamanho

Joãozinho ganha cadeira de rodas nova, após reportagem do Diário LeitorDG / Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Emilia e Kelly entregam o equipamento ao menino Foto: LeitorDG / Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

 O Ano-Novo começa com novidades boas na família Plaz. João Carlos Plaz, nove anos, conhecido como Joãozinho, portador de microcefalia, ganhou uma cadeira de rodas nova e maior — que comporta seu tamanho — um dia depois do Natal. Após matéria publicada no Diário Gaúcho em 3 de dezembro, uma campanha promovida pela equipe do Consulado Feminino Gremista de Canoas e uma vaquinha online para ajudar o menino receberam mais contribuições, atingindo o valor necessário para a compra da cadeira adaptada.  

Leia mais     
Depois de matéria no Diário Gaúcho, rua no bairro Arroio da Manteiga, em São Leopoldo, recebe manutenção
Professor de capoeira busca contribuições para compra de abadás, em Porto Alegre
Em Novo Hamburgo, entulhos de poste deixados na calçada dificultam a passagem de moradores 

— Foi um presentão para ele e para nós. Agora, já pode passear e ir nas consultas — celebra a mãe do menino, a dona de casa Catiele Plaz, 29 anos.

“Emocionante”

A compra da cadeira representou um alívio para os pais de Joãozinho, pois a maior dificuldade era a locomoção do menino, que precisava de uma cadeira de rodas maior, já que a anterior era pequena. Nos últimos meses, Joãozinho era carregado no colo quando tinha de ir ao médico ou à fisioterapia. 

— Foi emocionante a entrega, foi lindo! Para o consulado, foi muito satisfatório, pois muitas pessoas nos procuraram depois da publicação do Diário. Foram doações em quantias pequenas, mas que, somadas, totalizaram o valor de uma cadeira nova — conta a presidente do Consulado Feminino Gremista e tia de Joãozinho, Kelly Plaz.

Depois que a história foi divulgada, a vaquinha online recebeu mais doações, saindo de R$ 135 e atingindo R$ 615. O valor não foi compatível com objetivo planejado, que era de R$ 5 mil. Contudo, somado ao valor das rifas e das doações, totalizou cerca de R$ 3 mil.

Conquista

— As meninas do consulado se empenharam muito na venda das rifas. E, no dia 26 de dezembro, conseguiram comprar a cadeira, um colchão e um colete ortopédico, para firmar o pescocinho dele — relata Catiele. 

De acordo com a mãe, a ideia inicial era comprar uma cadeira nas medidas de João, mas demoraria 60 dias para ser entregue. Então, a tia e outra integrante do consulado, Emilia Raquel Bruxel, foram à procura de uma cadeira de rodas pronta e confortável. 

— É um pouco maior do que o João, mas tudo bem, porque ele ainda vai crescer. A cadeira é linda! — expressa a mãe. 

Produção: Caroline Tidra

 Leia outras notícias da seção Seu Problema é Nosso  


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros