Leitor usa até hoje celular que ganhou do DG em 2000 - Notícias

Versão mobile

 
 

#DG20ANOS17/04/2020 | 14h12Atualizada em 17/04/2020 | 14h12

Leitor usa até hoje celular que ganhou do DG em 2000

O aparelhinho que é um companheiro fiel de Dilmar foi ganho no início dos anos 2000, em uma promoção em que era necessário juntar selinhos

Leitor usa até hoje celular que ganhou do DG em 2000 Robinson Estrásulas/Agencia RBS
Dilmar ganhou aparelho em promoção do DG no início dos anos 2000 Foto: Robinson Estrásulas / Agencia RBS

É praticamente uma relíquia o celular do auxiliar de caminhão aposentado Dilmar Brilhante Machado, 67 anos, morador do bairro Cidade Baixa, na Capital. Do tempo em que a tendência, em se tratando de telefonia móvel, era o "quanto menor, melhor", o aparelho tem poucos centímetros e teclas pequeninas, já gastas do uso. 

 Leia mais sobre os 20 anos do DG
Clélia escolheu o nome do Diário Gaúcho, ganhou um carro e mudou de vida
Luiz e Inglacir uniram seus corações solitários graças ao DG
Profe Clau inspira o sonho de várias meninas em Alvorada 

Dilmar ainda utiliza o aparelho e conta, bem-humorado, que o usa em "pegadinhas". Como quando se ofereceu para chamar um carro de aplicativo para duas mulheres que não conseguiam o transporte. Ou quando, no ponto de ônibus, uma moça o apresentou o app TRI Porto Alegre, que mostra em tempo real a frota da Capital, e ofereceu-se para instalar no celular dele:

– Alcancei o meu telefone e ela disse, sem jeito: "É, acho que não vai dar" – conta ele, aos risos.

O aparelhinho que é um companheiro fiel de Dilmar foi ganho no início dos anos 2000, em uma promoção em que era necessário juntar selinhos, recorda ele. Uma pesquisa nos arquivos do jornal indica que houve um sorteio semelhante em maio de 2000, que recebeu o nome de Figurinhas da Sorte e distribuiu aos leitores um automóvel, TVs-, telefones celulares e bicicletas.

Parceria

Leitor fiel de duas décadas, Dilmar tem no Diário Gaúcho uma parceria que é agregada à sua rotina. A leitura é minuciosa, e começa pelas páginas policiais. Depois, a editoria de Esporte, para acompanhar as notícias do seu Grêmio. E fica de olho também nos encartes dos supermercados, em busca das promoções.

O Diário também acaba amenizando a solidão, já que recentemente faleceu sua companheira, Maria de Lourdes, devido a um enfisema pulmonar:

– Participo ativamente de tudo o que  envolve o Diário.

Leia mais depoimentos de fez o DG acontecer
Carlos Etchichury : "Nunca me senti tão útil e querido como jornalista"
Cláudio Thomas: "O DG foi uma das melhores experiências profissionais que vivi"
Alexandre Bach: "Aprendi no DG a trabalhar para o meu leitor"  

Além do celular, um outro xodó acompanha Dilmar – este, desde 2012: um relógio com pulseira plástica azul. Foi adquirido na promoção Junte & Pague da Hora, e veio com sete opções de pulseiras.

– Também gosto desta (uma laranja com padrão xadrez), mas a vermelha, nunca usei – comenta o gremistão fã de carteirinha do DG.

Leia mais notícias do Diário Gaúcho


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros