Após arrecadar valor em vaquinha online, menina recebe cadeira de rodas nova - Notícias

Versão mobile

 
 

Seu Problema é Nosso03/09/2020 | 11h41Atualizada em 03/09/2020 | 11h41

Após arrecadar valor em vaquinha online, menina recebe cadeira de rodas nova

De Manaus, Thayla Pereira, nove anos, faz tratamento médico em Porto Alegre e sonhava com uma cadeira de sua personagem favorita

Após arrecadar valor em vaquinha online, menina recebe cadeira de rodas nova Marco Favero/Agencia RBS
Mulher Maravilha está até nas rodas do novo equipamento Foto: Marco Favero / Agencia RBS

Chegou o dia de a pequena Thayla de Oliveira Pereira, nove anos, ver mais um sonho sendo realizado. Ontem, ela recebeu a tão esperada cadeira de rodas feita sob medida e personalizada com a Mulher Maravilha – sua heroína favorita. A compra do novo equipamento foi possível após o valor, cerca de R$ 9 mil, ter sido arrecadado por meio de uma vaquinha online. A meta foi alcançada poucos dias após a publicação da história de Thayla pelo Diário Gaúcho, em abril. 

LEIA MAIS
Projeto social de Santa Cruz do Sul busca arrecadar material escolar para 3 mil estudantes
"O sentimento é de estar lutando uma guerra", diz voluntário do Hospital de Clínicas sobre combate à pandemia  
Após reportagem, projeto de distribuição de almoços passa a atender 500 pessoas ao dia 

A cadeira de rodas nova ficou pronta no mês passado, e a entrega foi organizada pela mãe, Maria Natalina de Oliveira Pereira, 30 anos, para ser uma surpresa para Thayla. O momento ocorreu na Casa de Apoio Madre Ana, onde mãe e filha moram desde setembro de 2019 para que a menina tenha acompanhamento médico na Santa Casa de Misericórdia da Capital. 

Vestida a caráter com a fantasia da Mulher Maravilha e segurando a boneca da mesma personagem, Thayla ficou encantada ao tirar a cadeira da caixa:

– Ela ficou tão feliz! Eu já estava há duas noites sem dormir, pensando na reação dela. É a cadeira que ela tanto queria, tão sonhada. Estou emocionada, pois, para mães como eu, de crianças com necessidades especiais, tudo o que queremos proporcionar é conforto e o que há de melhor. É maravilhosa a sensação de vê-la realizada – declarou a mãe, complementada pela pequena:  

– Gostei muito, eu comecei a fazer como uma bailarina. Tem meu nome na cadeira, no lugar onde coloca os pés. 

Ao ser questionada sobre a estampa da heroína no protetor de raios, Thayla disparou:

– É linda!

Transplante

Há um ano, a menina veio com a mãe de Manaus, no Amazonas, para aguardar um transplante de rim na Capital gaúcha. Thayla sofria de uma doença renal crônica. No Natal do ano passado, a pequena, espontaneamente, fez dois pedidos para o Papai Noel: um boné do Flamengo e um rim. E acabou ganhando ambos! O transplante renal ocorreu no dia 13 de janeiro deste ano, na Santa Casa. 

– Entramos no nono mês pós-transplante, e está tudo bem. Vejo o quanto que ela se desenvolveu neste tempo – detalha a mãe. 

Além do problema nos rins, Thayla nasceu com uma malformação na coluna chamada de mielomeningocele, entre outras complicações na bexiga, no fêmur e no quadril. Com a etapa do transplante vencida e em plena recuperação, só faltava uma cadeira de rodas mais confortável e mais prática para locomoção em carros, táxis e ônibus. 

– Logo depois que o DG publicou a matéria, o valor da vaquinha fechou. Foi sensacional, uma surpresa ver a solidariedade das pessoas. Às vezes, deixamos de acreditar que existem essas pessoas. Mas superou a expectativa – diz Natalina. 

Planos pós pandemia

Brincar, correr e gravar vídeos são algumas das atividades que Thayla pode fazer com a cadeira nova, dentro da Casa de Apoio Madre Ana. Segundo a mãe, ela adora dançar, mas também é fã das corridas de rua: 

– Assim que passar a pandemia, queremos muito voltar a correr na rua (a mãe corria conduzindo Thayla na cadeira de rodas). O esporte é muito importante para nós!  

Em relação ao próximo sonho a ser realizado pelas duas, a mãe destaca: 

– Agora, é ir para casa. Estamos há um ano longe da nossa família. Todos estão torcendo muito por ela. 

É possível acompanhar a rotina da Thayla pelo Instagram @thaylaoliveirapereira e pelo Instagram da Casa de Apoio Madre Ana @casadeapoiomadreana.

Produção: Caroline Tidra

Leia outras notícias da seção Seu Problema é Nosso   


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros